CINEMA: “Um Limite Entre Nós" ganha dois prêmios no SAG Awards

Denzel Washington e Viola Davis são eleitos melhor ator e melhor atriz coadjuvante

Texto e fotos: Paramount Pictures

Uma semana após receber quatro indicações ao Oscar, “Um Limite Entre Nós” (Fences) conquistou dois prêmios concedidos pelo Sindicato dos Atores de Hollywood. Durante cerimônia do SAG Awards, realizada ontem à noite, o filme foi premiado nas categorias Melhor Ator (Denzel Washington) e Melhor Atriz Coadjuvante (Viola Davis).


Ainda sem data de lançamento definida no Brasil, a produção, dirigida e protagonizada por Denzel Washington, retrata a vida de Troy Maxson e os conflitos que permeiam suas relações sociais e familiares. Casado com Rose (Viola Davis), ele leva uma vida difícil, em uma América hostil aos negros. Quando seu filho Cory (Jovan Adepo) decide seguir carreira no beisebol - antigo sonho do pai - a convivência entre eles começa a ficar cada vez mais complicada.
O longa-metragem é baseado na peça escrita pelo autor americano ganhador do Prêmio Pulitzer em 1987, August Wilson. A história já havia sido interpretada por Denzel e Viola no teatro, rendendo a eles o Tony Award de Melhor Ator e Melhor atriz, em 2010. No cinema, a trajetória de “Um Limite Entre Nós” tem recebido o mesmo reconhecimento da crítica e do público e conquistado outros prêmios - Melhor Atriz Coadjuvante para Viola Davis no Globo de Ouro, Critic's Choise Award e Washington D.C Arena Film Critics Association. Na corrida pelo Oscar, “Um Limite Entre Nós” concorre às categorias: Melhor Filme, Melhor Roteiro Adaptado, Melhor Ator (Denzel Washington), Melhor Atriz Coadjuvante (Viola Davis).
Eduardo Abbas. Tecnologia do Blogger.