Cetip: Onix é o zero quilômetro mais financiado no 3º trimestre

Entre as marcas, Chevrolet ocupa a primeira posição no ranking

Texto e fotos: Cetip

No terceiro trimestre do ano, o Onix, da Chevrolet, se manteve na primeira posição do ranking de automóveis leves novos mais financiados, com 22.876 unidades vendidas a crédito. No acumulado do ano, foram negociadas 65.587 unidades do modelo. O volume representa 62,4% de todos os autos leves novos vendidos do modelo de janeiro a setembro. Segundo a Fenabrave, neste período, foram comercializados 105.157 Onix zero quilômetro.
O levantamento é da Unidade de Financiamentos da Cetip, que opera o maior banco de dados privado de informações sobre financiamentos de veículos do país, o Sistema Nacional de Gravames (SNG). Os números contemplam os veículos comercializados por crédito direto ao consumidor (CDC), leasing e consórcio (contemplados e não quitados).
O destaque do terceiro trimestre foi o Sandero, da Renault, que ficou em 5º lugar no ranking dos modelos mais financiados, com 8.069 unidades negociadas. Porém, no acumulado do ano, o modelo ocupa a 7ª posição, atrás do Palio e do Strada.
Entre as marcas, a Chevrolet manteve a liderança no terceiro trimestre, com 52.870 automóveis leves zero quilômetro negociados a prazo. Em segundo lugar aparece a Fiat, com 42.786 unidades financiadas, seguida pela Volkswagen, com 29.691 unidades.


Usados
No levantamento de autos leves usados mais financiados, o Gol, da Volkswagen manteve a liderança no terceiro trimestre do ano, com 48.931 unidades vendidas a crédito. Já a segunda posição ficou com o Palio, da Fiat, que atingiu 32.351 unidades financiadas.
Entre as marcas, a Volkswagen ocupa a primeira posição no ranking das mais financiadas, com 132.687 automóveis leves usados negociados a prazo no terceiro trimestre. Em segundo lugar aparece a Fiat, com 132.472 unidades financiadas, seguida pela Chevrolet, com 129.407 unidades.
Já no acumulado do ano, a Fiat lidera o ranking das marcas mais financiadas, com 391.507 carros vendidos a crédito. A Volkswagen aparece na segunda posição, com 390.388 unidades, seguida pela Chevrolet, com 372.009 unidades negociadas.


Participação dos financiamentos sobre as vendas
De janeiro a setembro, o modelo 2008, da Peugeot, manteve a primeira posição no ranking dos autos leves novos com maior participação de financiamento sobre as vendas. Ao somar 5.664 carros negociados a crédito, o modelo atingiu 71,8% de suas unidades vendidas por meio de crédito. De acordo com os dados da Fenabrave, foram comercializadas 7.888 unidades novas do modelo.
O Mobi, da Fiat, que até agosto ocupava o sexto lugar neste ranking, passou para a quinta posição, com 66,8% de suas unidades vendidas por meio de crédito. E a Ranger, da Ford, que estava em quinto caiu para o sexto lugar, com 66,5% de suas unidades financiadas.
O levantamento da Cetip considera os 50 automóveis leves mais vendidos no período de acordo com a Fenabrave (Federação Nacional da Distribuição de Veículos Automotores), entidade que representa o setor de distribuição de veículos no Brasil.
O destaque ficou com o modelo 208, da Peugeot, que até agosto não figurava entre os dez autos leves novos com maior participação de financiamento sobre as vendas e, em setembro, passou a ocupar a 10ª posição no levantamento.

 

Ao todo, foram financiados 1.167.070 veículos no Brasil no terceiro trimestre do ano, entre novos e usados. Os dados levam em consideração autos leves, motos e pesados. Os automóveis leves somaram 942.459 vendas a crédito, sendo 266.709 zero quilômetro e 675.750 usados.
Eduardo Abbas. Tecnologia do Blogger.