FÓRMULA 1: GP da Alemanha - Corrida e Infográficos

  • Lewis Hamilton sai do 14º lugar no grid para vencer fazendo apenas uma troca de Soft para Ultrasoft e ainda agradece a chuva;
  • Ampla variedade de estratégias com todos os três compostos e também o uso dos pneus Intermediários e Piso Molhado;
  • Max Verstappen da Red Bull fecha em 4º lugar depois de três paradas.
Texto e fotos: Pirelli

O clima foi crucial no GP da Alemanha, com a chuva chegando nas últimas voltas e tornando as estratégias quase impossíveis de se prever. Apesar da intensidade da chuva, o piloto da Mercedes, Lewis Hamilton, foi capaz de vencer com a estratégia de uma troca de Soft para Ultrasoft e manteve um ritmo rápido mesmo com pneus Slick.


Hamilton foi o último piloto dos seis primeiros a fazer seu único Pit Stop pouco antes da chuva e de um fim de corrida muito tenso, onde as equipes tiveram que enfrentar uma pista em constante mudança. Vários pilotos alternavam pneus Slick com Intermediários, somente Gasly (Toro Rosso) chegou a usar pneus para molhado extremo. O sprint final nas últimas 10 voltas após o safety car, todos os pilotos principais estavam com o Ultrasoft, que foram muito eficazes em uma pista que estava secando.


Mario Isola, gerente mundial de Motorsport da Pirelli: "As condições meteorológicas  fizeram deste GP uma corrida extremamente dramática e imprevisível, as equipes tinham que pensar como contrabalançar as circunstâncias que estavam em constante mudança: apenas um setor da pista era afetado pela chuva enquanto os outros dois permaneciam secos. Isto foi obviamente um grande desafio, o pneu Ultrasoft foi o escolhido para o stint final já que este composto funcionou bem nas condições mistas. As seis estratégias diferentes vistas no top 10 sublinham a dificuldade de identificar as táticas corretas sob as condições exigentes, mas é notável que, apesar da chuva, apenas quatro dos dez finalistas usaram os pneus intermediários."

Comportamento dos pneus durante a corrida


Stints por piloto


Resultados e Campeonatos
Eduardo Abbas. Tecnologia do Blogger.